A prefeitura de São Lourenço recebeu na manhã desta sexta-feira (22/01) uma nova ambulância que irá atender ao Programa de Saúde da Família. Em uma solenidade simples, devido a pandemia, poucas pessoas participaram da entrega.
 
 



A cerimônia de entrega da nova ambulância foi feita pelo Deputado Federal (presidente do PSD-MG) Charlles Evangelista, sua esposa a Deputada Estadual Delegada Sheila e Josafazinho que repassaram as mãos do Prefeito Dr. Lessa a chave do novo veículo da Prefeitura.
 
 
Assista o video (Créditos: Rogério Brasil)
 
 
 

 
 
Em seguida, Dr. Lessa recepcionou o casal de deputados em seu gabinete onde trataram de outros assuntos ligados à infraestrutura do município. Compareceu ainda o Delegado Regional Gustavo Teixeira assim como diversos policiais da Delegacia Regional de Polícia Civil com sede em São Lourenço.
 

Com informações da ASCOM/PMSL
 
 
Publicidade 

 

SÃO LOURENÇO RECEBE NOVA AMBULÂNCIA PARA ATENDER AO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA

 


Moradores da cidade de Itamonte-MG se depararam com um Lobo-guará caminhando pelas ruas do centro da cidade nesta sexta-feira (22/01) e acionaram a Policia Militar do Meio Ambiente para resgatar o animal, cujo a figura ilustra a cédula de R$200.

 

Lobo-guará foi solto em habitat natural / Fotos: PMMA

Os militares deslocaram até o local, onde, com o apoio de brigadistas da UC APA Serra da Mantiqueira, conseguiram resgatar o animal, o qual estava acuado em um lote, entre os blocos de uma construção. 

 

Assista o video da soltura (Créditos: PMMA)

 


 

O lobo-guará foi solto no interior da RPPN Instituto Alto Montana, local de grande ocorrência da espécime.



Equipe MAmb:


👮🏻Sgt Luiz Carlos
👮🏻Cb Gama
👮🏻Cb Motta


Da Redação do Popular.net

 

Publicidade 


 

LOBO-GUARÁ É CAPTURADO NO CENTRO DE ITAMONTE E DEVOLVIDO A NATUREZA NESTA SEXTA-FEIRA

 


Atualizado as 16h30m 21/01/2021

Merecedora de destaque, a Secretaria de Desenvolvimento Social da nova administração municipal tem ajudado um grande número de pessoas em vulnerabilidade social, que passaram a habitar nas ruas de São Lourenço-MG, a retornarem as suas famílias e respectivamente aos seus lares.


Pensando nisso a secretaria tem se esforçado ao máximo para auxiliar, moradores de rua que perambulam pela cidade, na intenção de localizar seus familiares e leva-los de volta aos seus lares.

 

Porém conforme noticiado anteriormente no Popular.net, um destes moradores assistidos pelos abordadores sociais, mentiu informações sobre sua verdadeira família, assim como o endereço na tentativa de burlar a ação da secretaria de desenvolvimento social, dizendo ser da localidade conhecida como Pintos Negreiros, distrito de Maria da Fé-MG, além de também ter mentido ao falar que estava morando no coreto da praça por aproximadamente 1 ano.

 

Alas deu endereço errado ao serviço social / Fotos: SDSSL

Mas a farsa do morador de rua logo foi desmistificada, assim que a reportagem sobre sua "volta ao lar" foi publicada. Dezenas de comentários nas redes sociais, de pessoas que reconheceram o homem, identificado como Alas da Silva, de 38 anos, morador do bairro Nsa. Sra. de Lourdes, na cidade de São Lourenço.


De acordo com informações de familiares que entraram em contato com a redação do Popular.net, Alas da Silva sofre das faculdades mentais e vive desaparecendo e voltando a sua casa, deixando seus familiares sem saber de sua localização.

 

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social por sua vez, informou através de Nota a reportagem do Popular.net que a situação se deu quando as equipes estavam realizando busca ativa de acolhimento para a população de rua no momento em que estavam na praça da Estação e foram acionados por Alas, mais conhecido como Gordo, Alas declarou estar morando na rua e que gostaria de voltar para sua residência em Dom Viçoso. 

 

Sendo assim a Equipe da Abordagem solicitou atendimento técnico da assistente Social do Creas que confirmou a manifestação voluntária e desejo de Alas ir para Dom Viçoso. Porém a irmã de Alas procurou uma unidade do CRAS relatando preocupação sobre o sumiço de seu irmão Alas.

 

Gordo encontra sua verdadeira família / Fotos: SDSSL


Imediatamente diante dessa informação a Secretária municipal de desenvolvimento social foi buscá-lo em Dom Viçoso e agora ele encontra-se em sua verdadeira residência em segurança junto a seus familiares. 

 

"Agradecemos a imprensa pela nota e pela ajuda na elucidação dos fatos e nos colocamos a disposição" finalizou a nota.


Da Redação do Popular.net

 

Publicidade 


 



HOMEM MENTE PARA ABORDADORES SOCIAIS MAS É DESCOBERTO POR FAMÍLIA APÓS PARAR EM DOM VIÇOSO

 

 

Mais um homem que vivia em situação de vulnerabilidade social nas ruas de São Lourenço-MG foi levado de volta ao lar, em outra cidade pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social na tarde da última terça-feira (19/01).
 




Identificado como sendo João Barbosa de 68 anos de idade, foi encontrado ao lado do bar do Ivo no bairro São Lourenço Velho. O homem passou por avaliação de saúde e fez teste para Covid-19, com resultado negativo.
 
 
Participaram da Abordagem o Motorista Rafael e a Abordadora Adriana, que encaminharam o homem de volta a sua residência na cidade de Pouso Alegre-MG. 
 
 
Da Redação do Popular.net
 
 
Publicidade 

 

MAIS UM MORADOR DE RUA É LEVADO DE VOLTA PRA CASA PELA SECRETARIA DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL

 

Foram aplicadas na tarde desta quarta-feira (20/01) as primeiras doses da vacina da Covid-19 nos profissionais de saúde em São Lourenço. O prefeito Walter Lessa e o vice-prefeito, Agilsander Rodrigues, receberam as 1.013 vindas de Varginha doses e imediatamente o próprio prefeito, que é médico, descarregou as doses da vacina Coronavac juntamente com o vice-prefeito Gil e imediatamente iniciou a vacinação.

 
 
Enfermeiras Akemi e Ana Cristina recebem a vacina - Fotos: ASCOM/PMSL


 
A primeira pessoa a receber a dose da vacina foi a enfermeira da Secretaria Municipal de Saúde, Akemi Costa Wakigawa Murata e a segunda foi a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Ana Cristina Gonçalves. 
 
 
Assista o video (Créditos: Rogério Brasil)
 
 
 
 
 
A primeira atua na realização de exames para detectar casos da Covid-19 e a segunda é responsável por monitorar pacientes, identificar e notificar os casos da doença no município.
 
 
O prefeito ainda foi até o Hospital São Lourenço para iniciar a vacinação na unidade, que é a unidade que dá assistências para os pacientes Covid-19 da cidade e região.
 
 
 
 
Com informações da ASCOM/PMSL 
 
 
Publicidade 

 

PREFEITO LESSA APLICA PRIMEIRAS DOSES DE VACINA CONTRA COVID-19 EM ENFERMEIROS DE SÃO LOURENÇO

 



O Prefeito de São Lourenço Walter Lessa (PTB) anunciou agora a pouco em seu perfil oficial do Facebook, que a secretaria municipal de saúde estará recebendo a vacina para o coronavirus até sexta-feira (23/01) na nossa cidade. 
 
Assista abaixo o pronunciamento do prefeito sobre a chegada das vacinas em São Lourenço: 

 
 
 
 
Além disso Lessa contou que a secretaria estará imediatamente fazendo o trabalho de vacinação e que São Lourenço tem equipes preparadas e a logística pronta a campanha. Assista o pronunciamento do prefeito.
 
 
Da Redação do Popular.net 
 
 
Publicidade 

 

 

 

VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19 EM SÃO LOURENÇO PODE COMEÇAR AINDA NESTA SEMANA



O governador Romeu Zema (Novo) confirmou, em entrevista exclusiva à rádio CBN, nesta segunda-feira (18), que as 561 mil doses da vacina CoronaVac serão suficientes para imunizar o público-alvo da fase 1 da campanha de vacinação em Minas Gerais. Segundo ele, esse público-alvo é de 275.088 pessoas no estado.



    "Quero lembrar que, já neste próximo fim de semana, uma segunda leva estará saindo. Essas 6 milhões de doses são o pontapé inicial. Mais 4 milhões de doses sairão de São Paulo neste fim de semana, as doses serão suficientes", disse ele. 



Zema ainda voltou a dizer que a vacinação pode começar ainda nesta segunda-feira (18), às 17h, e que todos os 853 municípios do estado vão receber as vacinas até terça-feira (19). "Hoje ainda já teremos profissionais de saúde sendo vacinados em Minas", disse ele.



Durante a entrevista, o governador ainda disse que os imunizantes chegarão primeiro à central de distribuição da capital mineira. Depois, serão utilizados aviões, helicópteros e vans para que a vacina chegue o mais rápido possível aos outros municípios.

 

Doses da Coronavac embarcando em avião para MG / Foto: Twitter


O governador Romeu Zema destacou a importância de todos se vacinarem. Ele disse que vai tomar a vacina assim que chegar a vez dele na fila, e também vai recomendar aos familiares que façam o mesmo. Ele afirmou que, mesmo não sendo obrigatório, é importante que haja um grande número de mineiros imunizados.

 

   "É altamente recomendado que todos tomem (a vacina). É muito importante que tenhamos um número expressivo de pessoas que tomem. Meus tios, pais, todos vão tomar." 



Público-alvo



Segundo Romeu Zema, o público-alvo neste primeiro momento são indígenas que vivem em aldeias, idosos e pessoas com deficiência que vivem em instituições como asilos, e 34% dos profissionais da saúde.



O planejamento do governo federal detalha que 16.560 doses estão reservadas para a população indígena.



Veja a seguir quais são os grupos prioritários para receber a vacina:



1ª fase


    Trabalhadores da área da saúde
    Pessoas com 75 anos ou mais
    Pessoas com 60 anos ou mais que estão em asilos
    População indígena aldeada em terras demarcadas
    Povos e comunidades tradicionais ribeirinhas


2ª fase


    Pessoas com idades entre 60 anos a 74 anos


3ª fase


    Pessoas com comorbidades


Próximas fases – ainda sem definição de ordem



    Professores do nível básico ao superior
    Quilombolas
    Trabalhadores do transporte coletivo
    Profissionais de forças de segurança e salvamento
    Funcionários do sistema prisional
    População privada de liberdade
    Pessoas em situação de rua 


Da Redação do Popular.net

 

Publicidade 


 

ZEMA AFIRMA QUE DOSES DE CORONAVAC QUE CHEGAM A MG SÃO SUFICIENTES PARA IMUNIZAR PÚBLICO ALVO

 


O governador Romeu Zema (Novo) confirmou, por meio das redes sociais, que Minas Gerais receberá inicialmente cerca de 561 mil doses de vacina para imunizar a população contra a Covid-19 e disse que a vacinação pode começar ainda nesta segunda-feira (18/01), às 17h. 

 

Em postagens, feitas nesta manhã, ele afirmou que está em São Paulo para a entrega simbólica da CoronaVac, vacina do Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac, cujo uso emergencial foi aprovado neste domingo (17/01). 

 

“Assim que elas chegarem ao Estado, começaremos imediatamente a distribuição e aplicação nos grupos prioritários”, disse o Governador.

 

O Ministério da Saúde inicia o processo de distribuição das doses da CoronaVac nesta segunda. Das 6 milhões de doses, 4.636.936 serão enviadas pelo governo federal aos estados brasileiros. As outras 1.357.640 serão distribuídas pelo estado de São Paulo.  


A previsão era que a campanha de imunização começasse nesta quarta-feira (20/01), às 10h. Mas, nesta manhã, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que os estados podem iniciar a campanha a partir das 17h desta segunda. Segundo o governo de Minas, a previsão é que as doses cheguem a Belo Horizonte por volta das 16h.

 

Zema recebe Coronavac em SP na manhã desta segunda / Fotos: Twitter

Neste domingo, a assessoria do governo já havia confirmado que Zema participaria da reunião com Pazuello nesta segunda. O encontro, em São Paulo, discutiu questões relacionadas à distribuição das doses da CoronaVac para todo o país. 

 

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) trabalha em um plano de vacinação, que vem sendo discutido desde setembro do ano passado. 

 

A pasta antecipou que as doses e os insumos serão distribuídos de maneira semelhante ao que já foi organizado pelo Programa Nacional de Imunização (PNI). Para isso, 50 milhões de seringas foram adquiridas. Desse total, 21 milhões chegaram ao estado e sete milhões já foram entregues às 28 Superintendências Regionais de Saúde. 

 

O governo de Minas Gerais pretende utilizar a frota aérea para que as doses alcancem os 853 municípios e vai mobilizar as forças de segurança do estado para realizar a vacinação entre os mineiros. 

 

Minas Gerais registrou, neste domingo, 643.509 casos da Covid-19. São 6.812 confirmações a mais, nas últimas 24 horas. O número de mortes provocadas pela doença também aumentou para 13.465, 110 a mais do que foi registrado até sábado (16), quando houve novo recorde de mortes. 

 

Com informações do G1 

 

Publicidade 


 

 

A previsão era que a campanha de imunização começasse nesta quarta-feira (20), às 10h. Mas, nesta manhã, o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, disse que os estados podem iniciar a campanha a partir das 17h desta segunda.

Segundo o governo de Minas, a previsão é que as doses cheguem a Belo Horizonte por volta das 16h.

Neste domingo, a assessoria do governo já havia confirmado que Zema participaria da reunião com Pazuello nesta segunda. O encontro, em São Paulo, discutiu questões relacionadas à distribuição das doses da CoronaVac para todo o país.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES) trabalha em um plano de vacinação, que vem sendo discutido desde setembro do ano passado.

A pasta antecipou que as doses e os insumos serão distribuídos de maneira semelhante ao que já foi organizado pelo Programa Nacional de Imunização (PNI). Para isso, 50 milhões de seringas foram adquiridas. Desse total, 21 milhões chegaram ao estado e sete milhões já foram entregues às 28 Superintendências Regionais de Saúde.

O governo de Minas Gerais pretende utilizar a frota aérea para que as doses alcancem os 853 municípios e vai mobilizar as forças de segurança do estado para realizar a vacinação entre os mineiros.

Minas Gerais registrou, neste domingo, 643.509 casos da Covid-19. São 6.812 confirmações a mais, nas últimas 24 horas. O número de mortes provocadas pela doença também aumentou para 13.465, 110 a mais do que foi registrado até sábado (16), quando houve novo recorde de mortes.

VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 PODE COMEÇAR AINDA NESTA SEGUNDA-FEIRA EM MINAS GERAIS


 

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de São Lourenço iniciou o planejamento para lavar os nove reservatórios que compõem o sistema de abastecimento da cidade. O objetivo é retirar as incrustações de sólidos e calcários que provocam alteração no aspecto de qualidade da água.

 

Mesmo sem uma data definida para começar, a previsão é que o início dos trabalhos aconteça em cerca de 30 dias, após o feriado do carnaval e em três etapas. Os reservatórios que compõem o sistema estão localizados na Estação de Tratamento de Água (ETA), na unidade do SAAE do bairro Vila Nova, Jardim das Acácias, São Francisco, dois no bairro Carioca, dois no Solar dos Lagos e Cohab.

 

A primeira etapa da limpeza ocorrerá na ETA e Vila Nova. Esses reservatórios são os primeiros que recebem a água logo após o tratamento e antes de ser distribuída para os demais.

 

De acordo com o engenheiro e presidente do SAAE, Hemerson Jader Cunha, a primeira etapa vai interromper o abastecimento de toda a cidade. “A primeira etapa do tratamento vai interromper o abastecimento da cidade, pois vamos precisar parar o tratamento e distribuição de água. A água é captada e tratada na ETA e depois enviada da para a unidade da Vila Nova para que seja distribuída para os demais reservatórios e imóveis da cidade. A partir da segunda etapa, os desabastecimentos ocorrerão somente nos bairros atendidos pelos reservatórios”, disse o presidente, que também é técnico da autarquia.

 

                                           Esquema de reservatórios de água do SAAE / Fotos: ASCOM/SAAE

 

Segundo Hemerson, a formação dessas incrustações de sólidos e calcários são comuns nos canos que compõem a rede de abastecimento. “Nas rotinas operacionais do sistema de abastecimento acontecem paralisações, seja por falta de energia em instalações de bombeamento ou por rompimento de tubulações, que causam esvaziamento dos canos. Quando retomado o abastecimento, essas incrustações se desprendem e são arrastadas para as pontas de rede e para os reservatórios. Nos reservatórios, o material decanta no fundo e, quando reposto o nível d’água, chega até a casa das pessoas”, explicou Hemerson.

 

A segunda etapa será nos reservatórios do Jardim das Acácias e São Francisco. O reservatório do Jardim das Acácias atende os bairros Serra Azul, Paraiso, Alto da Federal (entorno da rodoviária), Alto São Francisco, o bairro onde está instalado, entre outros. Já o reservatório São Francisco abastece os bairros Estação, Nossa Senhora de Lourdes, Mirante, Barreiro, casas populares, loteamento São João, Santa Maria, entre outros.

 

Já a terceira etapa da ação de limpeza vai abranger os dois reservatórios do Carioca, Solar dos Lagos e Cohab. Os reservatórios do Carioca, com capacidade total de 820 mil litros, atendem os bairros Carioca, São Lourenço Velho Canaã, Topomóvel e Via Ramon.

 

Os reservatórios do Solar dos Lagos, com capacidade total de 600 mil litros, abastecem o Solar dos Lagos, Porta do Céu, Vale dos Pinheiros, São Matheus, Santa Mônica, Santa Mônica II, Serra verde, Lagoa Seca e Palmela.  

 

Já o reservatório da Cohab, no bairro Nossa Senhora de Lourdes, abastece a Cohab, Novo Horizonte, Casas Populares, São João e Santa Maria.

 

Com informações do SAAE/São Lourenço

 

Publicidade 


 

SAAE PLANEJA LIMPEZA DOS RESERVATÓRIOS DO SISTEMA DE ABASTECIMENTO DE SÃO LOURENÇO



O Prefeito de São Lourenço-MG Walter Lessa (PTB) anunciou na tarde deste domingo (17/01) através do seu perfil oficial na rede social Facebook,  que todas as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município contarão com 4 novos especialistas na área de ginecologia e obstetrícia.

 


Segundo o prefeito, a decisão de disponibilizar os especialistas nas unidades básicas de saúde se fez necessária para oferecer uma saúde pública mais eficiente e oferecer as gestantes uma assistência com mais qualidade durante o período pré-natal. 


Os especialistas começam a atuar nas UBS à partir do dia primeiro de fevereiro deste ano.


Da redação do Popular.net

 

Publicidade 



PREFEITO LESSA DISPONIBILIZA QUATRO ESPECIALISTAS EM GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA PARA UBS DE SÃO LOURENÇO



A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou neste domingo (17/012021), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Coronavac e da Universidade de Oxford contra a Covid-19. A reunião que discutiu o tema durou cerca de 5 horas.


Os diretores acompanharam o voto de Meiruze Freitas, relatora dos pedidos. No caso da Coronavac, a diretora condicionou a aprovação à assinatura de termo de compromisso e publicação em "Diário Oficial".


Segundo a Anvisa, somente o termo de compromisso assinado pelo Instituto Butantan precisa ser publicado no "Diário Oficial da União", o que pode acontecer ainda neste domingo (17) em edição extra. De acordo com a agência, o termo já está pronto e será enviado ao instituto para ser assinado e publicado assim que assinado.


O termo de compromisso prevendo o envio, até o dia 28 de fevereiro, dos resultados sobre a imunogenicidade da CoronaVac foi uma das exigências da relatora do processo para o uso emergencial. A imunogenicidade é a capacidade que uma vacina tem de estimular o sistema imunológico a produzir anticorpos.


Ao proclamar o resultado, o diretor-presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, afirmou: "A imunidade com a vacinação leva algum tempo para se estabelecer. Portanto, mesmo vacinado, use máscara, mantenha o distanciamento social e higienize suas mãos. Essas vacinas estão certificadas pela Anvisa, foram analisadas por nós brasileiros por um tempo, o melhor e menor tempo possível. Confie na Anvisa, confie nas vacinas que a Anvisa certificar e quando ela estiver ao seu alcance vá e se vacine."


Durante a reunião, a relatora Meiruze Freitas declarou: "Quanto à vacina Coronavac, desenvolvida pelo instituto Butantan, voto pela aprovação temporária do seu uso emergencial condicionada a termo de compromisso e subsequente publicação de seu extrato no DOU. Quanto à vacina solicitada pela Fiocruz, voto pela aprovação temporária de seu uso emergencial referente a 2 milhões de doses", votou a relatora.


Primeira pessoa vacinada no Brasil


"Falo com segurança e propriedade, não tenham medo". A frase é da enfermeira Mônica Calazans, de 54 anos, primeira pessoa a ser vacinada no Brasil. A enfermeira foi imunizada neste domingo (17) no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP).


O governo de São Paulo aplicou a primeira dose da CoronaVac após a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovar o uso emergencial da vacina contra a Covid-19.


"Que a população acredite na vacina. Estou falando agora como mulher, brasileira, mulher negra, que acreditem na vacina. Vamos pensar no monte de vidas que nós perdemos, quantas famílias nós perdemos, quantos pais, mães, irmãos. Eu quase perdi um irmão também com Covid. E diante disso é que eu tomei coragem e participei da campanha da vacina".


Enfermeira Mônica Calazans foi a primeira brasileira vacinada / Fotos: G1


Mônica foi voluntária da terceira fase dos testes clínicos da CoronaVac realizados no país e tinha recebido placebo. "Fui muito criticada. Eu recebia piadinhas, memes, mas não dei sequer importância. Me falaram que eu era cobaia de uma pesquisa de vacina".


A enfermeira faz parte do grupo de risco para a doença, e atua na linha de frente contra Covid-19 no Instituto de Infectologia Emílio Ribas. Ela mora em Itaquera, na Zona Leste.


Mônica atuou como auxiliar de enfermagem por 26 anos, e se graduou em Enfermagem aos 47 anos. Viúva, ela mora com o filho, de 30 anos, e cuida da mãe, que aos 72 anos vive sozinha em outra casa.


Com informações do G1/sul de Minas

ANVISA AUTORIZA POR UNANIMIDADE USO EMERGENCIAL DA CORONAVAC E DA VACINA DE OXFORD CONTRA COVID-19

 


O governador de Minas, Romeu Zema (Novo), garantiu que o início da vacinação contra a Covid-19 no Estado começa em até 48 horas após a liberação de doses pelo Ministério da Saúde. O anúncio foi feito durante uma entrevista, nesta quinta-feira (14/01), à rádio CBN Juiz de Fora, na zona da Mata.

 

O governador reforçou que os 200 mil profissionais de saúde do Estado serão os primeiros a serem vacinados.

 

É a primeira vez que o governador mineiro falou sobre o início da vacinação. Antes, apenas o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD) havia garantido a imunização na cidade 24 horas após a liberação das doses. 

 

Na entrevista, Zema afirmou, ainda, que, na próxima terça-feira (19), o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, vai se reunir com os governadores para explicar a logística de distribuição dos imunizantes. Mas, segundo ele, Minas já montou uma força-tarefa para fazer esse transporte

 

"Já estamos preparando aqui uma força-tarefa para que esse transporte ocorra da maneira mais eficiente possível. Não sabemos ainda se a vacina vai ser disponibilizada em São Paulo ou em Brasília. Mas qualquer que seja o local onde ela estiver, nós já temos aqui planos para que aviões, carros, etc, vans levem essa vacina de forma refrigerada para todas as regionais de saúde do Estado".

 

Na entrevista, o governador reforçou que foram compradas mais de 50 milhões de seringas, que já estão sendo distribuídas por todo o Estado. Ele também defendeu a centralização do programa de imunização contra a Covid no Ministério da Saúde, para que todas as cidades mineiras possam começar a vacinar conjuntamente

 

"Se nós tivermos cada município ou cada Estado conduzindo um processo de vacinação diferente, em datas distintas, primeiro, nós vamos estar cometendo uma injustiça enorme. Aqueles municípios que tem mais poder financeiro vão ter condição de vacinar a sua população antes daqueles outros que não tem uma situação tão boa assim. E também não seria correto pelo tumulto que isso geraria. Então, eu não sou adepto".

 

Zema lamentou ainda a politização da vacina no Brasil. Sem citar os nomes do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e do governador de São Paulo, João Dória (PSDB), que protagonizaram esse embate, Romeu Zema disse que a disputa só serviu para atrasar a vacinação e, como consequência, aumentou o número de vítimas da Covid no país. 

 

Por fim, o governador mineiro reconheceu que o cenário atual da Covid é pior e, que, por isso, o governo federal deveria manter os programas de apoio à economia. Ele defendeu a volta do auxílio emergencial e das medidas para garantia de empregos, como a possibilidade de suspensão de contratos. Segundo Zema, sem essas ações, as empresas vão entrar em colapso. 

 

Com informações do G1/sul de Minas 

 

Publicidade 


 

ZEMA AFIRMA QUE VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 COMEÇA EM 48 HORAS APÓS LIBERAÇÃO DAS DOSES

 



Conforme decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Francisco Lourenço de Carvalho, ex-vereador da cidade de São Lourenço-MG popularmente conhecido por "Chiquinho do INPS", foi declarado quite com a Justiça Eleitoral, conforme certidão emitida pelo TSE ainda no ano passado. A decisão mantém o ex-vereador ativo no cenário político de São Lourenço.


O ex-vereador Chiquinho foi por 5 mandatos (20 anos) um dos vereadores mais atuantes na Câmara Municipal de São Lourenço, sendo também um dos principais apoiadores da campanha do atual prefeito Walter Lessa.

 


Procurado pela reportagem do Popular.net para falar sobre a decisão do TSE, Chiquinho declarou que vai prestar total apoio para a administração 2021-2024, se colocando com total disponibilidade ao governo Walter Lessa.


"Com a graça de Deus, não vou medir esforços para que São Lourenço seja uma cidade mais próspera e de melhor qualidade de vida para todos os cidadãos" ressaltou o ex-vereador, que se encontra na condição de "ficha limpa" e que se orgulha de tanto ter feito, principalmente pelo esporte na cidade de São Lourenço.


Da Redação do Popular.net

 

Publicidade 

 



EX-VEREADOR 'CHIQUINHO DO INPS' É FICHA LIMPA CONFORME CERTIDÃO DO TSE

 

 

A Caixa Escolar da Escola Estadual Professor Antonio Magalhães Alves, em conformidade com o Decreto n°45.085/2009, e a Resolução SEE n° 3670/2017 revisada pelas Resoluções SEE nº 3741/2018, 3856/2018 e 4144/2019 e corrigida pela Nota Técnica 08/2019, torna público que realizará processo licitatório na modalidade de Tomada de Preços, para execução de obras na rede física da Escola Estadual Professor Antonio Magalhães Alves. 

 

Os interessados deverão apresentar a documentação para habilitação e proposta comercial até 28/01/2021, às 11 horas, na sede da  escola, localizada à rua J. C. Soares, 753 – Vila Nova, São Lourenço – MG. Telefone: 3331-1510, e-mail: escola.174190@educacao.mg.gov.br. O edital nº 01/2021 e seus anexos com todas as exigências e condições encontra-se afixado e à disposição dos interessados no endereço acima mencionado.


São Lourenço, 08 de janeiro de 2021.



Lucilene de Cássia Carvalho Macedo – 1.093.933-8
Presidente da Caixa Escolar - MASP

EXTRATO DE EDITAL 01/2021 – AMPLIAÇÃO E/OU REFORMA DA E. E. PROF. ANTÔNIO MAGALHÃES ALVES

 


Foi publicado oficialmente pela PMSL na manhã desta quinta-feira (14/01) o DECRETO Nº. 8.146 que dispõe sobre a alteração dos horários de funcionamento das atividades que menciona, respeitando os limites impostos pelo risco de surto do novo Coronavírus, causador da COVID-19, no Município de São Lourenço.

 
 
O decreto publicado hoje e assinado pelo Prefeito Walter Lessa (PTB) se deu por conta do aumento na ocupação dos leitos de UTI do Hospital São Lourenço, que já se encontram em 90% de sua capacidade.
 
 
Para ler o decreto na íntegra, clique ou toque AQUI .  
 
 
Basicamente foram realizadas alterações no horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, mais rigidez no distanciamento social e ocupações de hotéis em no máximo 50%, medidas estas que não culminarão no fechamento total de nenhum estabelecimento e muito menos no fechamento da cidade.  
 
Em tempo, também está proibida a execução de música ao vivo, eletrônica, de imagem e transmissão
televisivas de qualquer tipo, participação e praticas de entretenimento, tais como: sinuca,
baralho, playground, etc;

 
 
Veja abaixo os principais tópicos:
 
 
Art. 2º. Ficam revisados os horários de funcionamento de todas as atividades no
município de São Lourenço, a saber:
 

I - atividades essenciais, conforme classificação do Plano Minas Consciente do Governo
do Estado de Minas Gerais– sem restrição de horário;
II - atividades não essenciais – das 08h00min às 17h00min;
III - atividades de alimentação em geral com consumo no local – das 06h00min às
22h00min.
 
.
§ 3º. As atividades especiais como autoescolas, academias, igrejas, templos e locais de manifestações religiosas, centros esportivos e ensino extracurricular, poderão funcionar diariamente até às 22h00min.
 
 
Para ler o decreto na íntegra, clique ou toque AQUI


Da Redação do Popular.net 
 
 
Publicidade 

 

 
 
 

ATIVIDADES NÃO ESSENCIAIS SÓ PODERÃO FUNCIONAR ATÉ AS 17H DE ACORDO COM NOVO DECRETO EM SÃO LOURENÇO

 

 

Notícias falsas ameaçam população tanto quanto vírus. Secretaria de Saúde reforça para que mineiros acompanhem os canais oficiais de informações



Um dos reflexos da pandemia, principalmente frente à perspectiva da chegada da campanha de vacinação contra a covid-19, é o aumento da circulação das chamadas fake news. O termo conceitua informações falsas e que se espalham rapidamente entre a população por meio do compartilhamento sem checagem, via mídias socais.



Os conteúdos falsos são ainda mais perigosos por levantarem suspeitas sobre a segurança da vacinação.



A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) alerta: também é comum a esse tipo de conteúdo a atribuição de falas a autoridades, recurso fraudulento e inverídico.



Cuidado!



Veja exemplo da fraude/fake news que envolve a covid-19: desde dezembro do ano passado circula, via Whatsapp, mensagem atribuída falsamente ao secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Carlos Eduardo Amaral, intitulada “Chegamos ao Pico”.



Apesar de a mensagem estimular a adoção de protocolos sanitários e de distanciamento social (recurso usado para enganar o leitor), seu conteúdo é 100% falso.



Vale lembrar que as fake news confundem o público, promovem a desinformação e podem até mesmo colocar a vida dos mineiros em risco.



Cheque a notícia



Um dos remédios contra a propagação das fake news é a checagem de informações básicas.



A SES-MG dá algumas dicas de como verificar se uma informação da área de saúde relacionada à covid-19 é falsa ou verdadeira:


Autoria: Geralmente, fake news não trazem a identificação nominal do autor do texto, veículo de imprensa e ou timbre da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG);

 

Compartilhamento: Antes de compartilhar qualquer informação, cheque assinatura, origem, selos e ou timbre. E lembre-se: apenas conteúdos oficiais e verídicos devem ser compartilhados.



Mais exemplos



Nos últimos meses, com o coronavírus no centro da atenção mundial, há conteúdos falsos sugerindo que as pessoas podem se curar do SARS Cov-2 ingerindo o mesmo coquetel usado para tratar o HIV (vírus da Aids).



Na mesma linha, outras notícias mentirosas sugerem que o isolamento social é ineficaz. Ou até mesmo que a ingestão de água sanitária eliminaria o novo coronavírus do organismo.



Nos celulares de todo o país, viraliza ainda fake news cujo conteúdo anuncia que a Coronavac, produzida pela China em parceria com o Instituto Butantan, está sendo comercializada via internet. Neste caso, é preciso redobrar a atenção antes de compartilhar, uma vez que a notícia fraudulenta coloca a saúde da população em risco.



Verdade



Frente à notícia descrita acima - e que representa risco potencial à vida da população - o Instituto Butantan se manifestou via redes socais para dizer que a mensagem não procede. E ressalta que as fake news devem ser combatidas na mesma proporção que o vírus, já que ameaçam a saúde pública.



“Notícias falsas são um desserviço à sociedade e representam grande perigo para a todos pois ameaçam o êxito das ações em saúde pública”, declara Carlos Eduardo Amaral.



Médico e professor da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), o secretário de Estado de Saúde apela para que a população busque informações a respeito da covid-19 apenas nos canais de comunicação oficiais da SES-MG. "Diariamente, os dados sobre a pandemia são atualizados no site e demais mídias da SES-MG e do Governo do Estado.



Imunização



A coordenadora de Imunização da SES-MG, Josianne Dias Gusmão, faz um alerta e chama a atenção para as graves consequências da desinformação.



Outra fake news perigosíssima para a saúde desqualifica a eficácia da vacina contra o sarampo. No Brasil, esta notícia falsa pode ter sido uma das causas da volta da doença, que se encontrava quase erradicada.



Gusmão reforça a importância de a população se sentir segura para aderir à vacinação contra a covid-19.



Busquem notícias diretamente da Secretaria, que divulga diariamente informações oficiais sobre os preparativos para a campanha de imunização.


“É importante que todos acompanhem os preparativos da campanha e recebam esclarecimentos para, então, compreenderem a importância da imunização”, frisa Josianne.



A campanha de vacinação contra a covid-19 será realizada conforme as diretrizes do Ministério da Saúde (MS), que colocará as vacinas à disposição, por meio Programa Nacional de Imunização (PNI). 

 

A Secretaria de Estado de Saúde reforça que informações sobre saúde pública, incluindo a pandemia de covid-19, devem ser conferidas no site: www.saude.mg.gov.br, no instagram @saudemg, no Facebook saudemg, no twitter @saudemg e nos blogs coronavirus.saude.mg.gov.br/blog e blog.saude.mg.gov.br/tag/coronavirus/.

 

Com informações da Agencia Minas

 

Publicidade 


 

GOVERNO DE MINAS CHAMA ATENÇÃO PARA FAKE NEWS DO NOVO CORONAVÍRUS