A Polícia Rodoviéria Federal (PRF) apreendeu 92 pássaros da fauna silvestre, durante fiscalização na noite do último domingo (29/08) no km 303 da rodovia BR-267, no trecho de Caxambu-MG.


Segundo informações da PRF, foi dada ordem de parada ao VW/Gol 1.6 L com placas de Nilópolis-RJ, onde durante a fiscalização, foram localizadas no banco traseiro e no porta-malas,  gaiolas  transportadoras com espaço muito reduzido, impedindo as aves de se movimentarem, contendo 92 pássaros silvestres típicos da Mata Atlântica: 72 trinca-ferros e 20 coleiros. O Condutor de 48 anos e o passageiro de 50 anos afirmaram que os pássaros seriam entregues no estado do Rio de Janeiro. 


Após pesquisa dos antecedentes criminais, constatou-se que a dupla responde vários processos  pelo mesmo delito. Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, ocorrência de matar, perseguir, caçar, apanhar, vender espécimes da fauna silvestre, art. 29 da Lei 9605. 


A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de São Lourenço-MG e os pássaros  para a Polícia  Ambiental Militar de São Lourenço-MG , para identificação técnica e medidas cabíveis.


Da Redação do Popular.net

CAXAMBU: 92 PÁSSAROS DA FAUNA SLVESTRE QUE SEGUIAM PARA O RIO DE JANEIRO SÃO APREENDIDOS PELA PRF

 


A Polícia Rodoviéria Federal (PRF) apreendeu 92 pássaros da fauna silvestre, durante fiscalização na noite do último domingo (29/08) no km 303 da rodovia BR-267, no trecho de Caxambu-MG.


Segundo informações da PRF, foi dada ordem de parada ao VW/Gol 1.6 L com placas de Nilópolis-RJ, onde durante a fiscalização, foram localizadas no banco traseiro e no porta-malas,  gaiolas  transportadoras com espaço muito reduzido, impedindo as aves de se movimentarem, contendo 92 pássaros silvestres típicos da Mata Atlântica: 72 trinca-ferros e 20 coleiros. O Condutor de 48 anos e o passageiro de 50 anos afirmaram que os pássaros seriam entregues no estado do Rio de Janeiro. 


Após pesquisa dos antecedentes criminais, constatou-se que a dupla responde vários processos  pelo mesmo delito. Diante das informações obtidas foi constatada, a princípio, ocorrência de matar, perseguir, caçar, apanhar, vender espécimes da fauna silvestre, art. 29 da Lei 9605. 


A ocorrência foi encaminhada à Polícia Civil de São Lourenço-MG e os pássaros  para a Polícia  Ambiental Militar de São Lourenço-MG , para identificação técnica e medidas cabíveis.


Da Redação do Popular.net