Uma pessoa foi presa na tarde do último domingo (10/02) nos arredores da Ilha Antônio Dutra, na cidade de São Lourenço, após a Polícia Militar rastrear um aparelho celular em que o proprietário havia registrado seu extravio.

Continua depois da Publicidade


De acordo com a PM, durante o rastreamento, o GPS do aparelho apontou para um matagal, onde os policias encontraram um jovem de 25 anos, que tentou jogar algo no mato, se tratando de um recipiente contendo crack. Na mochila do autor foram encontrado a quantia de R$ 800,55, uma faca e o aparelho celular.

Ainda segundo a PM, o jovem foi conduzido para a Delegacia de Polícia, juntamente com todo material apreendido e entregue aos cuidados da equipe plantonista.

Encontrou um celular?

Quando encontrar um celular, nem pense em levar o ditado “achado não é roubado” ao pé da letra. Isso porque, de acordo com o artigo 169 do código penal, o ato de achar algo e não devolver configura infração penal por “apropriar-se de coisa alheia vinda ao seu poder por erro, caso fortuito ou força da natureza.”

Ainda segundo o código penal, quem encontrar um celular, ou qualquer outra coisa que não lhe pertence, tem o prazo de até 15 dias para devolver ao dono ou entregar à alguma autoridade.

Se você encontrou o celular de alguém, a atitude correta a ser tomada é procurar o dono desse celular. Pode não ser muito fácil, mas a própria tecnologia vai te ajudar nessa atitude nobre, que muitas pessoas deveriam passar a tomar para fazer um mundo melhor.

Como encontrar o dono de um celular perdido?

Procure nos arredores mas não saia perguntando se alguém perdeu um celular, pois muitos espertinhos podem falar que perderam o aparelho e ficarem com ele. Ao invés disso, olhe bem para o modelo do dispositivo, aspectos dele, arranhões que ele possa ter, capinhas, adesivos, papel de parede (se a tela estiver acessível), etc. Se estiver desbloqueado, procure na agenda por nomes familiares, tais como: Amor, Pai, Mãe e afins e ligue do próprio aparelho informando que encontrou ele perdido.

Veja se alguém está procurando um smartphone por perto e faça perguntas sobre o aparelho para a pessoa antes de mostrar o celular (qual a cor do aparelho? Qual a senha da tela? Qual o modelo do dispositivo?). Assim, você conseguirá, talvez, encontrar o dono do celular nos arredores.

Boletim de Ocorrência 

Vá até um posto policial e registre um Boletim de Ocorrência, descrevendo todos os detalhes de como encontrou o dispositivo. Isso irá te proteger de qualquer problema legal que encontrar o celular possa causar. O policial que registrar a ocorrência também indicará os procedimentos cabíveis, desde entregar o celular aos policiais para que eles encontrem o dono, até auxiliar você a encontrar o dono do dispositivo. Não é obrigatório fazer isso, mas é uma precaução que pode fazer a diferença, mesmo que seja só para devolver um celular. Se a pessoa que perdeu também registrou a ocorrência, o celular será facilmente devolvido.
Com informações do 57°BPM

Publicidade

POLÍCIA ENCONTRA CRACK APÓS RASTREAR CELULAR COM QUEIXA DE EXTRAVIO EM SÃO LOURENÇO


Uma pessoa foi presa na tarde do último domingo (10/02) nos arredores da Ilha Antônio Dutra, na cidade de São Lourenço, após a Polícia Militar rastrear um aparelho celular em que o proprietário havia registrado seu extravio.

Continua depois da Publicidade


De acordo com a PM, durante o rastreamento, o GPS do aparelho apontou para um matagal, onde os policias encontraram um jovem de 25 anos, que tentou jogar algo no mato, se tratando de um recipiente contendo crack. Na mochila do autor foram encontrado a quantia de R$ 800,55, uma faca e o aparelho celular.

Ainda segundo a PM, o jovem foi conduzido para a Delegacia de Polícia, juntamente com todo material apreendido e entregue aos cuidados da equipe plantonista.

Encontrou um celular?

Quando encontrar um celular, nem pense em levar o ditado “achado não é roubado” ao pé da letra. Isso porque, de acordo com o artigo 169 do código penal, o ato de achar algo e não devolver configura infração penal por “apropriar-se de coisa alheia vinda ao seu poder por erro, caso fortuito ou força da natureza.”

Ainda segundo o código penal, quem encontrar um celular, ou qualquer outra coisa que não lhe pertence, tem o prazo de até 15 dias para devolver ao dono ou entregar à alguma autoridade.

Se você encontrou o celular de alguém, a atitude correta a ser tomada é procurar o dono desse celular. Pode não ser muito fácil, mas a própria tecnologia vai te ajudar nessa atitude nobre, que muitas pessoas deveriam passar a tomar para fazer um mundo melhor.

Como encontrar o dono de um celular perdido?

Procure nos arredores mas não saia perguntando se alguém perdeu um celular, pois muitos espertinhos podem falar que perderam o aparelho e ficarem com ele. Ao invés disso, olhe bem para o modelo do dispositivo, aspectos dele, arranhões que ele possa ter, capinhas, adesivos, papel de parede (se a tela estiver acessível), etc. Se estiver desbloqueado, procure na agenda por nomes familiares, tais como: Amor, Pai, Mãe e afins e ligue do próprio aparelho informando que encontrou ele perdido.

Veja se alguém está procurando um smartphone por perto e faça perguntas sobre o aparelho para a pessoa antes de mostrar o celular (qual a cor do aparelho? Qual a senha da tela? Qual o modelo do dispositivo?). Assim, você conseguirá, talvez, encontrar o dono do celular nos arredores.

Boletim de Ocorrência 

Vá até um posto policial e registre um Boletim de Ocorrência, descrevendo todos os detalhes de como encontrou o dispositivo. Isso irá te proteger de qualquer problema legal que encontrar o celular possa causar. O policial que registrar a ocorrência também indicará os procedimentos cabíveis, desde entregar o celular aos policiais para que eles encontrem o dono, até auxiliar você a encontrar o dono do dispositivo. Não é obrigatório fazer isso, mas é uma precaução que pode fazer a diferença, mesmo que seja só para devolver um celular. Se a pessoa que perdeu também registrou a ocorrência, o celular será facilmente devolvido.
Com informações do 57°BPM

Publicidade