SERVIDORES DA EDUCAÇÃO ESTADUAL VOLTAM A PROTESTAR CONTRA PEC 287 EM SÃO LOURENÇO - O Popular.net

Alunos e profissionais da rede estadual de ensino, voltaram a se manifestar nesta sexta feira (24/03) na cidade de São Lourenço-MG contra a reforma da previdência.

Manifesto se concentrou na Praça Brasil de onde seguiu para campanha no semáforo / Fotos: Rogério Brasil

O manifesto pacífico teve inicio na Praça Brasil (Praça João Lage) por volta das 9:00hs e reuniu cerca de 150 pessoas, que desta vez não fizeram passeata mas ocuparam o cruzamento entre a Av. D.Pedro II e a rua Dr. Olavo Gomes Pinto, onde no semáforo, fizeram um grande "apitaço" e exibiram cartazes contra a PEC 287.


Além disso, os manifestantes distribuíram folhetos que explicam os malefícios que segundo eles, acabam com os direitos trabalhistas e previdenciários de todos os brasileiros. a Polícia Militar acompanhou a manifestação que prosseguiu de maneira ordeira, onde nenhuma alteração foi registrada.

Protesto teve entrega de panfletos contra a reforma da previdência / Fotos: Rogério Brasil

Vale lembrar que os servidores da rede estadual de ensino que estão em greve por todo estado a mais de 10 dias, ainda não tem previsão de retomar as atividades. Na cidade de São Lourenço, todas as escolas estaduais estão paradas.


Da Redação do Popular.net

Publicidade

SERVIDORES DA EDUCAÇÃO ESTADUAL VOLTAM A PROTESTAR CONTRA PEC 287 EM SÃO LOURENÇO


Alunos e profissionais da rede estadual de ensino, voltaram a se manifestar nesta sexta feira (24/03) na cidade de São Lourenço-MG contra a reforma da previdência.

Manifesto se concentrou na Praça Brasil de onde seguiu para campanha no semáforo / Fotos: Rogério Brasil

O manifesto pacífico teve inicio na Praça Brasil (Praça João Lage) por volta das 9:00hs e reuniu cerca de 150 pessoas, que desta vez não fizeram passeata mas ocuparam o cruzamento entre a Av. D.Pedro II e a rua Dr. Olavo Gomes Pinto, onde no semáforo, fizeram um grande "apitaço" e exibiram cartazes contra a PEC 287.


Além disso, os manifestantes distribuíram folhetos que explicam os malefícios que segundo eles, acabam com os direitos trabalhistas e previdenciários de todos os brasileiros. a Polícia Militar acompanhou a manifestação que prosseguiu de maneira ordeira, onde nenhuma alteração foi registrada.

Protesto teve entrega de panfletos contra a reforma da previdência / Fotos: Rogério Brasil

Vale lembrar que os servidores da rede estadual de ensino que estão em greve por todo estado a mais de 10 dias, ainda não tem previsão de retomar as atividades. Na cidade de São Lourenço, todas as escolas estaduais estão paradas.


Da Redação do Popular.net

Publicidade